sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Cranberry no combate a infecções urinárias

Você conhece a cranberry? Essa frutinha vermelha, parecida com uma pequena cereja e pouco comum no Brasil, é alvo de diversas pesquisas sobre a prevenção de infecções urinárias. Os benefícios da fruta estariam em uma substância que impediria a adesão de bactérias na parede da bexiga - principalmente no que se refere à Escherichia coli, uma das principais causadoras das cistites.

O Cranberry é uma fruta muito popular nos Estados Unidos e tem extrema importância na Saúde humana, principalmente de muitas mulheres que sofrem ou apresentam problemas urinários. É indicado para mulheres com CISTITE aguda ou mesmo reincidentes, substituindo antibióticos que podem acarretar em uma piora no quadro clínico, levando a uma nova e mais severa infecção.

No Brasil a fruta é conhecida como Oxicoco e ainda apresenta um mercado tímido. Mas de tanto sucesso que vem fazendo por aí a fora, principalmente nos EUA onde é usado a séculos, o Cranberry está cada vez mais sendo procurado internamente, resultado das características anti-sépticas da fruta elevando a acidez da urina, dificultando, assim, a proliferação e aderência bacterianas.

Altamente rico em antocianidinas, flavonóides, proantocianidinas, taninos condensados, ácidos fenólicos, entre outros antioxidantes e fitonutrientes, o cranberry é muito recomendado para tratar infecções de trato urinário.

Um estudo realizado pela Universidade de Harvard, feito com 1.049 participantes, mostrou que o consumo diário de produtos à base da fruta, ao longo de um ano, reduzia a incidência de infecções urinárias em 35%. O efeito foi ainda maior em mulheres. Nelas, a redução foi de 39%.

Isso acontece porque alguns dos componentes da fruta evitam a adesão das bactérias à parede da bexiga. Porém, os benefícios proporcionados pelo consumo do cranberry vão além do trato urinário.

Outras duas propriedades medicinais do cranberry vêm merecendo atenção dos pesquisadores. "A fruta é rica em flavonóides, uma substância antioxidante que freia as células cancerosas", diz o fitoterapeuta carioca Alex Botsaris. Na Universidade de Western Ontario, nos Estados Unidos, estudos demonstraram que o consumo de subprodutos da fruta pode inibir tumores de mama em animais. Já uma pesquisa inglesa constatou que o poder antioxidante do cranberry também é capaz de despencar os níveis do mau colesterol no sangue, sendo mais um instrumento para prevenir doenças como a arterosclerose.

Peça mais informações sobre o suco de cranberry e mais 18 frutas, pelo email dietadasfrutas@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário



Blog Widget by LinkWithin